EXPEDICIONÁRIOS DA SAÚDE


EDS_group


A Associação Expedicionários da Saúde (EDS) é uma organização brasileira sem fins lucrativos criada em 2003 por um grupo de médicos voluntários. Tem como objetivo principal levar atendimento médico, principalmente cirúrgico às populações geograficamente isoladas da região da Amazônia Legal Brasileira.


Através do nosso programa “Operando na Amazônia” oferecemos um serviço complementar aos programas de atendimento à saúde indígena já existentes. O projeto realiza três expedições por ano e visa evitar a necessidade de deslocamento, custoso e traumático, do paciente e sua família aos centros urbanos.


O maior número de cirurgias ocorre nas especialidades de oftalmologia e cirurgia geral. Mas cirurgias pediátricas, ortopédicas e ginecológicas de média complexidade também são oferecidas. De forma complementar a esse trabalho, são realizados consultas e atendimentos nas especialidades de oftalmologia, clínica geral, pediatria, ginecologia, ortopedia e odontologia.


Prestes a completar 15 anos de atuação, a EDS já atendeu a uma área demográfica do tamanho da França. Ao longo de 40 expedições, foram realizadas 7.457 cirurgias e 51.747 consultas e uma média de 5.000 exames e procedimentos são realizados por viagem. Todo o atendimento é oferecido de forma gratuita. Além dos médicos voluntários, a EDS conta com o apoio de outros profissionais e instituições que ajudam a viabilizar seu programa. O patrocínio de empresas, pessoas físicas e instituições socialmente responsáveis também é essencial para a continuidade do nosso trabalho.

HISTÓRICO

Esporadicamente um grupo de amigos, em sua maioria médicos, organizava caminhadas em meio à natureza. No ano de 2002, ao visitarem o Pico da Neblina (AM), tiveram a oportunidade de conhecer uma aldeia Yanomami.


Confrontados com uma realidade muito diferente da que viviam, resolveram mudar o foco de suas viagens e tentar fazer alguma coisa pela população indígena da região. O grupo procurou as instituições responsáveis pelo atendimento à saúde para entender como atuavam e assim planejar uma participação eficaz. Dessa forma, em 2003, foi oficialmente estruturada a Associação Expedicionários da Saúde.


Desde então, as caminhadas iniciais transformaram-se em expedições de atendimento médico às comunidades indígenas na Amazônia, dando origem ao Programa “Operando na Amazônia”.

CENTRO CIRÚRGICO MÓVEL

O diferencial de atuação do grupo está na utilização de um moderno Centro Cirúrgico Móvel, que permite levar atendimento cirúrgico a locais remotos e geograficamente isolados. A cada nova expedição do projeto “Operando na Amazônia”, 15 toneladas de equipamentos, insumos e medicamentos são transportados de Campinas, no interior de São Paulo, às mais distantes regiões da Amazônia Legal. Para que isso seja possível, a EDS desenvolveu uma tecnologia inovadora e única na área da saúde pública.

 

Em 2016, engenheiros voluntários da EDS investiram recursos no desenvolvimento e aplicação de novas tecnologias que tornaram o Centro Cirúrgico Móvel ainda mais eficiente. O novo projeto, que conta com barracas infláveis, facilitou e agilizou a montagem e desmontagem do Centro Cirúrgico e agregou conceitos que minimizam a contaminação e aumentam a eficiência do ambiente cirúrgico. Além de possibilitar seu transporte de forma modular e diminuir drasticamente o peso total da carga, o novo Centro possui maior eficiência térmica, graças às paredes de dupla camada e à lona externa metalizada, que reflete boa parte do calor intenso da região equatorial.

 

O Novo Centro Cirúrgico Móvel é composto por salas de cirurgia oftalmológica, cirurgia geral, pequenos procedimentos, conforto médico, sala de espera para os pacientes, vestiário e Centro de Material e Esterilização (CME). O Centro Cirúrgico conta ainda com equipamentos de última geração, como facoemulsificadores, eletrocautérios, monitores multiparamétricos de sinais vitais, ultrassom portátil, aparelhos de ar-condicionado com filtros EPA, além das de autoclaves, destiladoras de água, lavadoras ultrassônicas, seladoras e incubadora de teste biológico do CME. Toda a energia consumida em seu interior é fornecida por um grupo de geradores, que totalizam 100kva.

 

O objetivo dessa nova tecnologia é alcançar os rincões de maior dificuldade logística da Amazônia, garantindo a segurança e conforto dos pacientes e a excelência na qualidade de serviços prestados pela equipe EDS.

MISSÃO E VISÃO

Missão

Levar atendimento médico especializado, principalmente cirúrgico, até populações indígenas que vivem geograficamente isoladas, com excelência na qualidade de serviços e gestão responsável.


Visão

Criar um modelo referencial de atendimento médico especializado a populações que vivem isoladas geograficamente.

NOSSA EQUIPE

Diretores Executivos:

 

Ricardo Affonso Ferreira (Presidente): médico ortopedista do Instituto Affonso Ferreira e membro do corpo clínico do Centro Médico de Campinas. É um dos fundadores da organização, chefe das Expedições e responsável pela articulação junto às instituições parceiras. Voluntário desde 2003
 
 
Martin Affonso Ferreira (Vice-Presidente): médico anestesista, membro do corpo clínico dos Hospitais Centro Médico de Campinas e Hospital Santa Sofia. É um dos fundadores da organização, chefe do Centro Cirúrgico Móvel e coordenador da área de anestesiologia nas expedições . Voluntário desde 2003.
 
 
 

Associados, na categoria de “conselheiros – efetivos”:

 

Francisco Artur Queiroz Mais: médico oftalmologista, membro do corpo clínico do Hospitais Centro Médico de Campinas. É o fundador e conselheiro da área de oftalmologia . Voluntário desde 2003.
 
 
Armando Pimentel: Diretor Comercial da International Paper Divisão de Embalagens ; é um dos fundadores e faz parte do conselho da organização. Voluntário desde 2003.
 
 
Scott Alan Ashby: empresário, é um dos fundadores e faz parte do conselho da organização. Voluntário desde 2003.
 
 
Artur Udelsmann: médico, advogado e professor do departamento de anestesiologia da FCM/ UNICAMP, faz parte do conselho da organização. Voluntário desde 2005.
 
 
André Leite Carvalhaes  empresário, faz parte do conselho da organização, responsável pela área de nutrição das Expedições Voluntário desde 2005.
 
 
Guilherme Augusto Ciaco de Carvalho: médico, anestesista, especialista em dor crônica, faz parte do conselho da organização. Voluntário desde 2007
 
 
Silvana Maria Nader: relações públicas com especialização em marketing, empreendedorismo social e sustentabilidade. Sócia diretora da Mendes & Nader Comunicação e Responsabilidade Social. Faz parte do conselho e comunicação da organização. Voluntária desde 2008.
 
 
José Eduardo Cruz Ferreira: dentista, faz parte do conselho da organização, coordenador da área de odontologia da EDS. Voluntário desde 2010.
 
 
Fabio Paganini Pereira da Costa: médico especialista em cirurgia plástica, responsável pelo serviço de Reconstrução Mamária do Instituto de Oncologia do Hospital Santa Paula (IOHSP), faz parte da coordenação da área de cirurgia geral das expedições, responsável pela seleção e cadastramento da equipe médica. Voluntário desde 2010.
 
 
 
 

Coordenadores:

 

Márcia Abdala (Coordenadora de Geral): pedagoga, responsável pela coordenação geral e institucional da organização e pela gestão e logística das expedições. Voluntária desde 2006 e funcionária desde 2011.
 
 
Genário Kanashiro Filho (Coordenador de enfermagem): enfermeiro- logístico, responsável pela organização e gerenciamento de estoque de equipamentos hospitalares e de logística , capacitação e treinamento da área de enfermagem, triagem de pacientes e montagem do Complexo Hospitalar durante às Expedições. Voluntário desde 2012 e funcionário desde 2015.
 
 
Mona Luisa Sabongi: enfermeira, responsável pela elaboração do planejamento, controle, organização e gerenciamento de estoque de suprimentos hospitalares, montagem e validação dos processos de esterilização e desinfecção realizados no CME (Centro de Material de Esterilização) no período das expedições. Voluntária desde 2013 e funcionária desde 2017.
Maria Inês Soares de Oliveira (Secretária Administrativo-Financeira): economista, responsável pela área financeira e contábil da organização. Funcionária desde 2011.

EDS_logonovo_30_neg


(19) 3298.6033

[email protected]

Rua Dr. Heitor Penteado, 1300 – Joaquim Egídio – Campinas / SP CEP: 13108-002